domingo, 10 de agosto de 2008

'Egoísmo de Criança'

Aprendi que nem tudo era pintura, que nem sempre usaria tamanho 8 ou que todos olhariam e fariam caretas para eu dar risada de suas caras estúpidas. Cresci em um mundo, que ficou para trás, mas em que as lembranças nunca serão apagadas, seja qual for. Quando olho para trás e revejo tudo o que passou, agradeço de joelhos pelos ensinamentos dos meus pais e o carinho que sempre recebi, mesmo não sendo o melhor filho. Nunca terei lembranças ruins do que se foi, sempre darei um sorriso quando olhar e ver que minha infância, foi algo desejável. Hoje em dia, percebo que quando não há infância, não há bases. A maioria dos melhores assassinos que já andaram por essas terras, que algum dia se tornarão infértidas, foram crianças conturbadas e mal-amadas. Não deviam ter a dosagem certa de amor ou atenção de seus pais, ou algo mais cruel, viram a morte de ambos ou algo de ruim acontecendo com os mesmos. Infância é a base, adolescência é estrutura. Então se a base for ruim, a estrutura será torta e ruirá algum dia, seja daqui alguns dias ou muitos anos, mas vai ruir.

2 comentários:

Lidia Zuin disse...

Que engraçado, eu escrevi algo sobre infância no meu blog tbm.. hauhaua... Assassinos de infância conturbada... algo a se pensar. Sei lá, por que não se tornar um assassino quando sua vida é perfeita demais? Viajei hahaha

ednalvadodo disse...

Adorei esse capítulo. Sabe que hoje sei que essa história de que os opostos se atraem é mentira. Porque eu sempre tive uma família presente, um dia me envolvi com uma pessoa que nunca soube o que é Familia e isso resultou no final do relacionamento.

Realmente Todos tinham que saber que Ser Pai e Mãe não é pra qualquer um e quem não tem vontade, tem que usar camisinha, tomar remédio, injeção, enfim, não tem vocação, nem tente, porque "Criança" é algo lindo e necessita de cuidados, não dá pra se arrepender e simplesmente deixar de cuidar.